A GENTE ERA OBRIGADA A SER FELIZ
Passe o mouse na imagem para ver detalhes Ampliar

A GENTE ERA OBRIGADA A SER FELIZ

Neste novo romance, Eduardo Mahon provoca o leitor a mergulhar na História do Brasil de uma forma inovadora. São cerca de 50 anos de agitação, com eleições e golpes, narrados por um homem singular – Aurélio do Espírito Santo. O negro favelado, que consegue o emprego de cavalariço num quartel, vai guiar a leitura por percepções tão particulares que o Brasil não parecerá o mesmo.
Editora: CARLINI E CANIATO
ISBN: 858009254X
ISBN13: 9788580092547
Edição: 1ª Edição - 2019
Número de Páginas: 304
Acabamento: BROCHURA
Formato: 13.80 x 20.80 cm.
por R$ 60,00