ARBITRAGEM NAS SOCIEDADES ANONIMAS
Passe o mouse na imagem para ver detalhes Ampliar

ARBITRAGEM NAS SOCIEDADES ANONIMAS

DIREITOS INDIVIDUAIS E PRINCIPIO MAJORITARIO
Ao ler a introdução ao presente livro lembrei-me da fala de Bernstein, quando o autor diz: "Se existe alguma vantagem acadêmica na mistura de inocência, juventude e curiosidade, característica que se espera do pesquisador recém-talhado e que se aproxima de tema já debatido, é a possibilidade de a pureza desse contato revelar caminhos ainda poucos explorados". É que Rodrigo Tellechea logra realizar neste livro, que corresponde, com os devidos acréscimos e atualizações, as partes de sua Tese do Doutorado, defendida em março de 2015 na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP). Tarefa árdua, que exige grandes esforços de sistematização e conhecimento da prática societária, e de conciliar o tema dos direitos individuais dos acionistas - objeto de tantos estudos - com o da cláusula compromissória na S. A., este ainda a demandar muita reflexão, dado os equívocos que suscita. O principal deles, aliás, é justamente o de entender inconciliáveis os direitos individuais dos acionistas com a ampla - e necessária - aplicação de cláusulas compromissória estatutária.
Editora: QUARTIER LATIN
ISBN: 9788576748205
ISBN13: 9788576748205
Edição: 1ª Edição - 2016
Número de Páginas: 512
Acabamento: BROCHURA
Formato: 16.00 x 23.00 cm.
por R$ 149,00 2x de R$ 74,50 sem juros