ARTE DE FURTAR - VOL. 430

ARTE DE FURTAR - VOL. 430

Se furtar é uma arte, o que não falta no Brasil é talento. Há artistas em todos os lugares, seja na rua ou no governo. Em A arte de furtar, de autoria anônima, o roubo é o tema central, abordado com bom humor e irreverência. O leitor é apresentado a um grande número de situações e tipos de ladrão, fazendo uma análise do seu comportamento e da maneira com a qual mostram as suas garras. Diversos capítulos descrevem as formas pelas quais os detratores realizam os seus atos, podendo eles furtar com ?unhas militares?, ?reais? ou ?bentas?, dentre outras tantas.A arte de furtar é apresentado por João Ubaldo Ribeiro, o que só reforça o clima bem-humorado e irônico do livro. Mas o humor dá lugar à seriedade no último capítulo, intitulado ?Desengano geral a todas as unhas?. Nele, o autor faz um discurso inflamado sobre essas glórias conquistadas tão injustamente e questiona os seus valores. ?Suponho que não falo com animais brutos, mas com homens racionais (...) E, se tendes entendimento, como supomos, sois obrigado a crer que em vícios não pode haver glória nem descanso?. Revisto e atualizado, Arte de furtar é descrito por João Ubaldo como ?o mais brilhante exemplo de prosa barroca panfletária em nossa língua?. O texto pode datar do século XVIII, mas o assunto é extremamente atual. Uma boa leitura para os que acreditam na elevação moral do homem.
Editora: L&PM
ISBN: 8525411213
ISBN13: 9788525411211
Edição: 1ª Edição - 2005
Número de Páginas: 312
Acabamento: BROCHURA
Formato: 10.70 x 17.80 cm.