BALES - COLEÇAO LINGUA REAL

BALES - COLEÇAO LINGUA REAL

Neste livro, a poesia revela uma "dicção" sentimental. Por meio dela Bruna parece criar um diálogo ao mesmo tempo abusado e respeitoso com a música popular brasileira. Alguns de seus versos podem remeter os leitores, por exemplo, a violentas cançõesde Lupicínio Rodrigues. Contudo, o grande valor da "dicção" sentimental da poética de Bruna Beber vem da sua capacidade de reduzi-la ao mínimo gesto, à economia de palavras, ao ritmo às vezes sincopado e ao verso preponderantemente breve, de corte brusco. A sentimentalidade então é desconstruída e torna-se, dessa maneira, um campo engenhoso de experimentações formais. Por essas e outras razões, trata-se de um livro corajoso e ousado, que compreende, com maturidade, que a poesia pode conter uma estrutura complexa e extensa, a reunir pólos antagônicos. Conciliando-os por meio do rigor que toda poesia exige, encontram-se diversos aspectos díspares em Balés: o clássico e o popular, o tradicional e o renovador, o tom contido e o exagerado, entre muitos outros. Daí a possibilidade de a sua obra também remeter os leitores à poesia de Manuel Bandeira e de Mário de Andrade. Neste segundo livro de Bruna Beber, 'Balés', temos a confirmação da qualidade dessa poeta, que consegue trazer novos elementos a seus versos, mas sem abrir mão dos que já havia conquistado com muita habilidade e vigor.
Editora: LINGUA GERAL
ISBN: 8560160477
ISBN13: 9788560160471
Edição: 1ª Edição - 2009
Número de Páginas: 56
Acabamento: BROCHURA
Formato: 14.00 x 21.00 cm.
por R$ 20,00