CIENCIA DA MOTRICIDADE HUMANA

CIENCIA DA MOTRICIDADE HUMANA

Se hoje a Ciência é considerada um saber não renunciável, por forma privilegiada de inteligibilização da realidade, assim capaz de subsidiar a tomada de decisões para uma acção humana mais lúcida e responsável, frente a valores existenciais de repercussão tanto individual quanto social, e se a motricidade é um conteúdo indissociável da existência humana que se resolve sempre pelo agir, então, defendo a posição, segundo a qual a disciplina que constrói o conhecimento teórico e prático desse conteúdo merece um espaço próprio dentro do sistema geral das ciências, antes de mais, dada a sua relevância enquanto factor antropogénico. É precisamente isso o que, desde os idos tempos de escolar, com a originária noção de "educação física", a vivência da motricidade me vem dizendo. E é Piaget a confirmar, aliás com as garantias fornecidas pela ciência, que, não só a primeira condição constitutiva de um eu-sujeito é a acção sensório-motora referida ao corpo-próprio, mas também é a acção mediada pela motricidade a condição necessária da descentração conducente aos outros e ao mundo. Dizendo o óbvio, o corpo e a motricidade são as fundações da condição humana.UBIRAJARA ORO nasceu em Tapejara, Rio Grande do Sul, Brasil, doutorado em Epistemologia da Motricidade Humana pela Faculdade de Motricidade Humana da Universidade Técnica de Lisboa. Pós-doutourado em Epistemologia e História da Educação Física pela CNICD/CSD de Madrid, Espanha. É professor catedrático da Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, Brasil. Áreas científicas de investigação e interesse: Epistemologia da Motricidade Humana, História da Cultura de Movimento, Ética Profissional. Tem publicações nestas áreas no Brasil, em Portugal e Espanha.
Editora: INSTITUTO PIAGET
ISBN: 9727712363
ISBN13: 9789727712366
Edição: 1ª Edição - 1999
Número de Páginas: 280
Acabamento: BROCHURA
Formato: 16.00 x 23.00 cm.
por R$ 78,00