CRITICA MARXISTA 24

CRITICA MARXISTA 24

Nesta edição de 'Crítica Marxista', Joachim Hirsch trata do déficit de Teoria do Estado no interior da Teoria da Regulação, partindo-se de sua determinação formal na sociedade burguesa. A partir daí, é possível dar um significado às instituições públicas frente à atual economia. Hirsch se utiliza de Leipzig e Marx para falar, respectivamente, da reprodução do social e do modo de reprodução capitalista. Em Democracia burguesa e apatia política, Luciano Cavini Martorano aponta que o socialismo deveria criar as condições que permitissem a contínua e ascendente intervenção dos trabalhadores na política, bem como o controle por estes da burocracia. O usufruto desigual das liberdades políticas e o conflito entre o parlamento e a burocracia de Estado são temas também tratados por Cavini. Althusser fala de suas relações com o teatro, que são, sobretudo, filosóficas e políticas. Crítica Marxista também traz Domenico Losurdo, falando sobre tragédia do povo palestino, e Pedro Caldas Chadarevian, com um texto sobre a interpretação marxista do problema racial. No seção Dossiê, Sérgio Lessa faz um histórico da questão das cotas no mundo, passando pelos governos Reagan e Thatcher, o desmonte do Estado de Bem-estar Social e neoliberalismo. Valério Arcary trata das cotas no contexto da igualdade entre os cidadãos. Segundo ele, os marxistas insistem na centralidade da luta contra a exploração, mas não ignoram o racismo e o machismo.As resenhas trazem Jörn Schütrumpf e a simpatia que revela com relação a Rosa Luxemburg. O texto privilegia momentos decisivos da militância de Rosa, bem como das polêmicas que a envolvem. São lembrados momentos como o de sua desilusão com o marxismo oficial, quando percebeu que uma parte do proletariado partia para os campos de batalha em busca de saques e honra.
Editora: REVAN
ISBN: 0006529992
ISBN13: 9780006529996
Número de Páginas: 204
Acabamento: BROCHURA
Formato: 16.00 x 23.00 cm.
por R$ 35,00