CRUZ DE CRISTO E A NOSSA, A
Passe o mouse na imagem para ver detalhes Ampliar

CRUZ DE CRISTO E A NOSSA, A

Essas considerações introdutórias devem-se ao inesquecível mons. Dr. Francisco Xavier de Ayala, falecido em São Paulo em 1994, e apontam para o cerne do livro de Pie Régamey: para um cristão, a dor e o sofrimento humanos só se compreendem e se aceitam quando se descobre o seu sentido último. E esse sentido, ultrapassando a “teologia da encarnação” e o seu oposto, a “teologia do fracasso”, retira o olhar da dor em si, pessoal e intransferível, para fixá-lo no “mistério da cruz de Cristo”. Vê-se então que a cruz de Cristo e a cruz do cristão são uma só, a mesma, o prolongamento do drama do Calvário no drama do cristão. Dá-se assim uma inversão do significado da dor na existência humana: o que era o algo trágico e lúgubre transforma-se em bênção: encontrar a cruz é encontrar Cristo, fonte de ressurreição e horizonte aberto a uma alegria sem fim. Saboreia-se numa paz serena o que antes afligia e consumia. E o sofrimento, em vez de nos encerrar no seu poder de absorção, expande-se nas quatro direções da cruz de Cristo: o seu comprimento, largura, altura e profundidade para além do espaço e do tempo.Este livro deve ser lido devagar, não só pela sua densidade, mas porque compele a dar uma reviravolta alegre no modo de encarar as sombras que acompanham qualquer existência.
Editora: QUADRANTE
ISBN: 9788574651750
ISBN13: 9788574651750
Número de Páginas: 160
Acabamento: BROCHURA
Formato: 13.00 x 19.00 cm.
por R$ 40,00