ELOGIO DA MENTIRA

ELOGIO DA MENTIRA

Urutu, jararaca, cascavel, jararacuçu, surucutinga, cotiara. Cobra é a grande paixão da bela bióloga Fúlvia Melissa – especialmente se for peçonhenta. Fúlvia, dona de uma Piton de Burma Albina, trabalha no Instituto Soroterápico Municipal, alimentando e cuidando de serpentes. Um dia, ela recebe a visita de José Guber, autor de romances policiais baratos. Pesquisando para um novo livro, o escritor pede a ela que lhe ensine tudo o que sabe sobre cobras e venenos. Do encontro entre estes dois personagens completamente mergulhados em seus próprios universos de alegrias e frustrações, nascerá o desejo, serpente perigosa, e o amor, antídoto para o vazio da alma.Em seus romances, Guber copia sem pudor enredos de clássicos da literatura. Vivendo com sua reclusa mãe e escrevendo em ritmo industrial, ele é atormentado pelo ignorante editor Wilmer, para quem as três palavras mágicas do sucesso são: ação, sangue e violência. Fã de notícias sobre crimes, Fúlvia pretende usar a vasta experiência do amante em livros policiais para cometer um crime perfeito. A vítima? O marido obsessivo que a maltrata e espanca. Desesperadamente apaixonado, Guber sabe que crime perfeito não existe, apenas assassinatos artísticos, originalíssimos e cerebrinos. E, como no bote da serpente, é preciso aproveitar o momento certo para agir.
Editora: ROCCO
ISBN: 8532525253
ISBN13: 9788532525253
Edição: 1ª Edição - 2011
Número de Páginas: 208
Acabamento: BROCHURA
Formato: 13.00 x 20.00 cm.
por R$ 29,00