HIGIENIZAÇAO DOS COSTUMES, A

HIGIENIZAÇAO DOS COSTUMES, A

Heloisa Helena Pimenta Rocha abre para a área da História da Educação uma temática e um debate que no Brasil vem se processando há alguns anos em campos acadêmicos como a Sociologia e a História da Ciência, por meio de livros, artigos, teses e dissertações. Trata-se de uma produção que procura analisar a presença da Fundação Rockefeller em distintos campos da vida social, desde as primeiras décadas do século XX, com destaque para sua atuação na Saúde Pública e no fomento a instituições de ensino e pesquisa do país, em especial no campo biomédico. No plano internacional, o esforço analítico em torno do empreendimento filantrópico, que se processou em escala mundial, a partir de seu veio de origem as grandes fortunas norte-americanas, acumuladas no processo de oligopolização econômica de fins do século XIX - não é um investimento acadêmico recente. Há mais de duas décadas scholars de diferentes nacionalidades têm se defrontado com a tarefa de propor interpretações consistentes acerca de uma investidura intrigante e desafiadora: a ação internacional, sistemática e direcionada, de poderosas agências privadas em esferas de interesse público, como a Saúde, a Higiene, a Educação, ou a pesquisa científica. A Fundação Rockefeller, umadas maiores e mais antigas entre as chamadas majors norte-americanas, permanece ativa ainda hoje, embora com atuação menos abrangente do que a exercida em momentos cruciais do século XX em países de todos os continentes. No Brasil, as análises acerca da amplitude, seletividade e implicações de suas intervenções ainda figuram no campo restrito de algumas áreas acadêmicas, razão pela qual a produção de Heloisa Helena conjuga o duplo mérito de ampliar o debate onde ele já se encontrava instalado e, ao mesmo tempo, estendê-lo para áreas correlatas.
Editora: MERCADO DE LETRAS
ISBN: 857591023X
ISBN13: 9788575910238
Número de Páginas: 272
Acabamento: BROCHURA
por R$ 62,00