HISTORIAS QUE SO AGORA EU CONTO
Passe o mouse na imagem para ver detalhes Ampliar

HISTORIAS QUE SO AGORA EU CONTO

Em 'Histórias que só agora eu conto' quis registrar alguns episódios que vivi, presenciei ou me foram transmitidos por amigos ao longo de minha vida. Histórias que estavam engavetadas e mereciam – quem sabe – vir à luz da publicidade. Algumas se passaram em minha cidade natal, Ipupiara, no agreste da Bahia, onde nasci e outras em lugares diferentes onde trabalhei, estudei e morei.Foi assim que acumulei muitas histórias. Mas, antes de vir para São Paulo, trabalhei em minha cidade, junto a meu pai, irmãos e irmãs na lavoura plantando milho, feijão, andu, amendoim, mandioca, batata doce, gergelim e até horta com alface, cebolinha e coentro. Não tenho pretensões literárias, apenas quero registrar e ser testemunha do meu tempo, como alguém já disse que para o homem ser completo, precisa “plantar uma árvore, ter filho e escrever um livro”, acho que estou no caminho certo. Dessa forma, as histórias contadas aqui são, em sua maioria, verídicas e constituem um relicário de experiências e também de saudade. Bom mesmo seria se as histórias narradas aqui pudessem ser todas de cunho construtivo, mas nem sempre as pessoas usam a inteligência para o bem e como nosso dever é contá-las não há o que fazer.
Editora: ALL PRINT
ISBN: 8541115135
ISBN13: 9788541115131
Edição: 1ª Edição - 2018
Número de Páginas: 132
Acabamento: BROCHURA
Formato: 14.00 x 21.00 cm.
por R$ 30,00