INDICE TOR-TOM

INDICE TOR-TOM

A definição quanto à existência ou não de risco ergonômico é algo complexo que exige conhecimento científico e a capacidade de perceber detalhes e sutilezas. Muitas vezes, o simples de fato de se classificar um trabalho como repetitivo costuma implicar no mal-entendido de ser essa uma tarefa de risco. E ocorre que, especialmente em tarefas de exigências de membros superiores, muitas vezes afirma-se haver risco ergonômico quando, na realidade, a existência de mecanismos de regulação anula a exigência biomecânica. Mas também ocorre o contrário, especialmente sabendo-se que o impacto da ergonomia na origem de risco ergonômico pode ocorrer por outros tantos fatores. O palestrante irá apresentar um fluxograma de uso das diversas ferramentas para definir quanto ao risco ergonômico. Uma das ferramentas, de aplicação em tarefas habituais, é o Índice 'TOR-TOM', que foi lançado em 2006 e é agora apresentado em nova edição, com uma série de aperfeiçoamentos quanto à validade, reprodutibilidade e entendimento. O livro é apresentado na segunda edição, com 320 páginas, em capa dura, acompanhado de software para cálculo do Índice 'TOR-TOM' em computador. O palestrante propõe que o Índice tem 25 aplicações práticas, na análise ergonômica, na definição do risco ergonômico, na orientação de melhorias ergonômicas e também no gerenciamento da produtividade segura.
Editora: ERGO EDITORA LTDA
ISBN: 8599759116
ISBN13: 9788599759110
Edição: 2ª Edição - 2012
Número de Páginas: 320
Acabamento: CAPA DURA
por R$ 395,00 4x de R$ 98,75 sem juros