JOIAS NA BAHIA DOS SECULOS XVIII E XIX
Passe o mouse na imagem para ver detalhes Ampliar

JOIAS NA BAHIA DOS SECULOS XVIII E XIX

JEWELRY IN BAHIA FROM THE 18TH AND 19TH CENTURY
Escrito pela pesquisadora e professora de história da joalheria Ana Passos e fotos de José Terra, que trabalharam durante três meses com o acervo do antiquário e algumas outras coleções particulares disponibilizadas por Musse, a obra retrata a joalheira apreciada nos salões, igrejas e ruas de Salvador nos séculos XVIII e XIX.Entre 1740 e 1820, o Brasil foi o maior produtor mundial de ouro, diamantes e gemas coradas. Esta produção deu origem a uma ourivesaria das mais exuberantes já criadas. O encontro de muitas culturas, em especial na Bahia, fez florescer uma ourivesaria usada por negras escravizadas e forras, que refletiam a riqueza produzida na região e o desejo de sua ostentação: as joias de crioulas.Segundo os autores, essa mais recente literatura nacional é uma daquelas raras oportunidades de apreciar as joias desse período para além daqueles presentes nos acervos de alguns poucos museus espalhados pelo país, dos quais destacam-se o Museu Carlos Costa Pinto de Salvador, o Museu Imperial de Petrópolis e o Museu Afro Brasil de São Paulo.
Editora: CAPIVARA
ISBN: 8594193009
ISBN13: 9788594193001
Edição: 1ª Edição - 2017
Número de Páginas: 212
Acabamento: CAPA DURA
Formato: 22.50 x 29.00 cm.