MACUNAIMA, O HEROI SEM NENHUM CARATER

MACUNAIMA, O HEROI SEM NENHUM CARATER

COLEÇAO BIBLIOTECA LUSO BRASILEIRA
Edição integral, com notas explicativas para os termos não usuais, para facilitar a compreensão da obra. Macunaíma é a obra-prima de Mário de Andrade. O personagem que dá nome ao romance, preguiçoso, traiçoeiro e sem caráter, tem origem mítica. Nascido preto retinto no seio da Floresta Amazônica, transforma-se em príncipe loiro de olhos azuis, ao mergulhar em um poço mágico. Expulso da tribo por suas malvadezas, ele captura Ci, a Mãe do Mato e, com ela, tem um filho. Após a morte da criança, a mãe vai para o céu, mas não sem antes dar a Macunaíma o amuleto mágico muiraquitã. Após perder a pedra, o herói se aventura para recuperá-la em 'São Paulo, a maior cidade do universo'. Publicado em 1928, o livro tem uma estrutura inovadora, sem ordem cronológica ou espacial. Esteticamente, remete a estilos de vanguarda, como o Dadaísmo, o Futurismo, o Expressionismo e o Surrealismo. Macunaíma representa o multiculturalismo brasileiro, cultuado pelo Movimento da Antropofagia. A obra foi adaptada para o cinema, em 1969, e para o teatro, no ano seguinte.
Editora: VIA LEITURA
ISBN: 9788567097244
ISBN13: 9788567097244
Edição: 1ª Edição - 2016
Número de Páginas: 144
Acabamento: BROCHURA
Formato: 14.00 x 21.00 cm.
por R$ 28,90