NOVA REFORMA ORTOGRAFICA DA LINGUA PORTUGUESA, A

NOVA REFORMA ORTOGRAFICA DA LINGUA PORTUGUESA, A

O novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa passou a viger em l2 de janeiro do corrente ano. É certo que haverá um período de transição, que se dará entre essa vigência e 31 de dezembro de 2012, a fim de que a população possa adaptar-se às alterações adotadas. Nesse período, coexistirão, portanto, as duas grafias, aquela anterior ao Acordo e a por ele determinada.Com relação aos livros escolares, a nova ortografia será obrigatória para os editados a partir de 2010.Não se olvide que esse novo Acordo Ortográfico trouxe inúmeras dúvidas, principalmente quanto ao uso do hífen. A título de exemplo pode-se citar o vocábulo parar-raios, que, em dicionários já atualizados, pode ser encon¬trado nessa forma grafado ou com hífen.Este manual tem por objetivo apenas expor de forma didática as inovações trazidas pelo Acordo. Nele tratou-se, pois, das regras derivadas da inclusão das letras k, w e y no alfabeto da língua portuguesa, queda do trema, com suamanutenção nas palavras de origem estrangeira, nova acentuação, uso das letras maiúscula/minúscula e do apóstrofo, bem como emprego do hífen.Ainda, este manual traz, na íntegra, os textos legais pertinentes às regras do Acordo Ortográfico. Buscou-se com essa transcrição proporcionar ao leitor a pesquisa direta naqueles textos.Não foi sua finalidade dirimir as controvérsias origi¬nadas da adoção das novas regras ainda existentes entre os estudiosos da língua, assim como não foi seu escopo traçar uma avaliação sobre essas mesmas novas regras, razão pela qual foram elas expostas de forma imparcial.
Editora: LEMOS E CRUZ
ISBN: 8599895338
ISBN13: 9788599895337
Edição: 1ª Edição - 2009
Número de Páginas: 178
Acabamento: BROCHURA
por R$ 32,00