PORCOS-ESPINHOS DE SCHOPENHAUER, OS

PORCOS-ESPINHOS DE SCHOPENHAUER, OS

Na conhecida fábula do filósofo Arthur Schopenhauer, um grupo de porcos-espinhos ia perambulando num dia frio de inverno. Para não congelar, os animais chegavam mais perto uns dos outros. Mas, no momento em que ficavam suficientemente próximos para se aquecer, começavam a se espetar com seus espinhos. Para fazer cessar a dor, dispersavam-se, perdiam o benefício do convívio próximo e recomeçavam a tremer. E o ciclo se repetia, numa infindável luta para descobrir uma distância confortável entre o frio do afastamento e a dor da união. Estarão os seres humanos destinados a encontrar complementos perfeitos no amor? Ou seríamos mais parecidos com os porcos-espinhos, acotovelando-nos na eterna busca de um lugar entre o envolvimento doloroso e o isolamento sem amor? Essas são as perguntas que servem como ponto de partida para "Os Porcos-Espinhos de Schopenhauer", de Deborah Anna Luepnitz.
Editora: JOSE OLYMPIO
ISBN: 850300934X
ISBN13: 9788503009348
Edição: 1ª Edição - 2006
Número de Páginas: 294
Acabamento: BROCHURA
Formato: 16.00 x 23.00 cm.
por R$ 54,90