EM ALGUM LUGAR DO HORIZONTE

EM ALGUM LUGAR DO HORIZONTE

Sem deixar a poesia de lado, Raimundo Gadelha apresenta seu primeiro romance, Em algum lugar do horizonte, publicado pelo selo Escrituras.A obra transmite uma ilusão fragmentária, como um vitral narrativo, na adoção de um ritmo cinematográfico, que estimula a insurreição do imaginário no campo do real, provocando a função poética da linguagem. O tempo deflui, ora em câmera acelerada, ora em câmera lenta.No prefácio, Carlos Nejar, membro da Academia Brasileira de Letras, assim se manifesta sobre a obra: “Em Algum Lugar do Horizonte, Raimundo Gadelha, editor que é poeta, exsurge fortemente o ficcionista, tanto na arte peculiar da narrativa, quanto na caracterização inventiva das personagens.”Já o poeta João de Jesus Paes Loureiro inicia a apresentação do romance com a pergunta: “Existe algum lugar no horizonte para os que degradam o amor? Esta é a grande questão que avança submersa na elétrica narrativa do romance de Raimundo Gadelha.”O romance traz numa linguagem simples e direta, o desenho de seres e coisas como num filme, de forma peculiar narrando personagens que permeiam a solidão e a liberdade.
Editora: ESCRITURAS
ISBN: 8586303771
ISBN13: 9788586303777
Edição: 1ª Edição - 2000
Número de Páginas: 160
Acabamento: BROCHURA
Formato: 14.00 x 21.00 cm.