SENSORIAMENTO REMOTO HIPERESPECTRAL
Passe o mouse na imagem para ver detalhes Ampliar

SENSORIAMENTO REMOTO HIPERESPECTRAL

Este trabalho teve por objetivo determinar a potencialidade da espectroscopia de imageamento, também conhecida como sensoriamento remoto hiperespectral, nos estudos de solos tropicais, principalmente na espacialização e quantificação de características espectrais de alguns componentes mineralógicos de manchas de solos imageadas por meio dos dados disponíveis. A técnica de espectroscopia de imageamento baseia-se na obtenção de imagens que recobrem, com centenas de bandas e de forma contígua, a faixa do espectro óptico refletido, permitindo a construção dos espectros de reflectância dos diversos alvos imageados. As imagens hiperespectrais utilizadas no presente trabalho são do sensor AVIRIS (Airborne Visible/InfraRed Imaging Spectrometer), de propriedade do Jet Propulsion Laboratory, da NASA, obtidas no ano de 1995 na região dos Cerrados, durante a missão SCAR-B (Smoke/Sulphate Clouds and Radiation – Brazil). A espacialização e a quantificação das relações minerais só foram possíveis a partir do desenvolvimento e da aplicação de índices espectrais, tendo como princípio as feições espectrais dos minerais estudados. Esses modelos foram validados por amostras de solos obtidas nas áreas imageadas pelo AVIRIS e seus respectivos espectros, e pela quantificação mineralógica determinada em laboratório. (...)
Editora: INTERCIENCIA
ISBN: 8571934053
ISBN13: 9788571934054
Edição: 2ª Edição - 2019
Número de Páginas: 204
Acabamento: BROCHURA
Formato: 17.00 x 24.00 cm.
de R$ 129,00por R$ 116,10 2x de R$ 58,05 sem juros Economize R$ 12,90