SER LONGE

SER LONGE

A memória é a capacidade humana que possibilita reavivar aquilo que passou. Do poema "Memória" vem o título do livro de Fernando Moreira Salles: "Lembrar/ é ser longe." Nos poemas do autor, a passagem do tempo se relaciona à busca da delicadeza e à impermanência dos gestos mais fugidios, como "[...] o murmúrio da tarde/ o espanto das crianças/ que pisam canteiros/ e aprendem a rezar", ainda que já se tenha "[...] o gosto da noite/ o perfume de um lírio/ tudo enfim e só/ o que quer o Deus" ("Confiteor"). O sentimento que fica da lembrança, porém, é ambíguo: prazeroso e reconfortante, mas também amedrontador, pois tudo o que passou se perdeu irremediavelmente. A procura dessa poesia é pela beleza rara que, como indica o nome de um dos poemas, está por um "triz", tal qual "[...] ínfima flor/ entre escombros/ lasca de vida [...]". Na reflexão da maturidade, as lembranças da infância e da juventude - impregnadas de afeto, tempo e silêncio - se transformam em matéria de poesia.
Editora: COMPANHIA DAS LETRAS
ISBN: 8535904425
ISBN13: 9788535904420
Edição: 1ª Edição - 2003
Número de Páginas: 80
Acabamento: BROCHURA
Formato: 14.00 x 21.00 cm.
por R$ 37,90