TEATRO DE LUIZ MARINHO - PEÇAS PSICOEXISTENCIAIS E PROTOSSURREALISTAS - VOL. 3
Passe o mouse na imagem para ver detalhes Ampliar

TEATRO DE LUIZ MARINHO - PEÇAS PSICOEXISTENCIAIS E PROTOSSURREALISTAS - VOL. 3

O último trem para os igarapés, Corpo corpóreo e As três graças são as peças que integram o terceiro volume do Teatro de Luiz Marinho, Para este volume, foram selecionadas as peças psicoexistenciais e protossurrealistas do dramaturgo, totalmente diversas das suas peças de caráter regionalista, tanto na linguagem como na escolha dos temas. A primeira delas é um drama em dois atos, nunca encenado, ganhando apenas uma leitura dramática durante a realização do projeto Todos Verão Teatro, em 2002. A trama se desenrola num bordel, onde, aos poucos, vão aparecendo os dramas individuais das mulheres e de frequentadores assíduos, e a grande dúvida sobre a origem do ex-seminarista Otávio. Apresentado primeiro em leituras dramáticas, foi publicado em 1995, integrando a Coleção de Livros de Acadêmicos Pernambucanos, da Academia Pernambucana de Letras. Teve sua primeira encenação em 2004, dentro do Projeto Aprendiz Encena. A trama gira em torno das mágoas e culpas de um homem, que não consegue se libertar das tormentosas lembranças do passado. A comédia As três graças, de 1997, foi a última obra de Luiz Marinho para o teatro e nunca chegou a ser encenada, ganhando apenas leitura dramática em 2004, dentro da programação do VII Festival Recife do Teatro Nacional, que homenageou o dramaturgo, falecido dois anos antes. Inspirada em três velhinhas pitorescas que conheceu na infância, em Timbaúba, Marinho coloca em ação três octogenárias, que convivem com uma preceptora responsável por organizar a bagunça que elas fazem.
Editora: CEPE
ISBN: 8578587448
ISBN13: 9788578587444
Número de Páginas: 226
Acabamento: BROCHURA
Formato: 14.00 x 21.00 cm.
por R$ 40,00