TEMPO COMPRADO
Passe o mouse na imagem para ver detalhes Ampliar

TEMPO COMPRADO

A CRISE ADIADA DO CAPITALISMO DEMOCRATICO
O sucesso de Tempo comprado, dentro e fora dos meios acadêmicos, surpreendeu o próprio autor, o sociólogo alemão Wolfgang Streeck. O livro traz uma interpretação original da crise econômica que irrompeu em 2008 e seus efeitos, entre os quais uma crise política de governança democrática de proporções globais. Para Streeck, sintomas como o Brexit e a recessão continuada da União Europeia são as manifestações mais recentes da crescente incompatibilidade entre capitalismo e democracia, situada na longa transformação neoliberal do capitalismo pós-guerra a partir dos anos 1970. Diante da escassez de análises que expliquem as dinâmicas econômicas atuais, Streeck empenha-se em atualizar as teorias da crise da Escola de Frankfurt e entrega uma narrativa fascinante sobre os desdobramentos da tensão entre democracia e capitalismo ao longo de mais de quatro décadas e como ela rebate nos conflitos entre os Estados, os governos, os eleitores e os interesses do capital. Embasada em ampla pesquisa de dados econômicos (representada por dezenas de gráficos), a séria investigação que se apresenta ao leitor não tem nada da frieza que se espera nessa seara; ao contrário, trata-se de um texto direto e com tiradas irônicas. O resultado é uma combinação rara e impactante da análise de tendências estruturais do capitalismo e a correlação de forças sociais, políticas e culturais.
Editora: BOITEMPO EDITORIAL
ISBN: 8575596454
ISBN13: 9788575596456
Edição: 1ª Edição - 2018
Número de Páginas: 240
Acabamento: BROCHURA
Formato: 16.00 x 23.00 cm.
por R$ 47,00